sexta-feira, 1 de janeiro de 2010

Construção de barragens e erosão costeira: Não pode ser!

in Notícias Sábado' 203 (p. 8) - de 28 de Novembro a 4 de Dezembro de 2009

1 comentário:

Anónimo disse...

Cá está mais uma factura das barragens como um efeito perverso que , por alguma razão, é mantido na sombra.
Aproveito para vos desejar que o ano de 2010 vos traga os maiores êxitos em todos os planos, vos conceda espaço para darem largas à vossa juventude, e que o vosso projecto continue sob os auspícios do idealismo, coesão e o espírito de cruzada com que de forma tão exemplar assumem a cidadania.
Um abraço em que vai toda a minha admiração.
Artur Freitas