domingo, 9 de outubro de 2011

Microalgas - Mondim de Basto: Rio Tâmega demasiado poluído para banhos





Microalgas - Mondim de Basto
Rio Tâmega demasiado poluído para banhos


O presidente da Junta de Freguesia de Mondim de Basto apela para que se trave a construção da barragem para evitar mais poluição.

A água do rio Tâmega está esverdeada e cheia de microalgas. O presidente da Junta de Freguesia de Mondim de Basto, Fernando Gomes, garante que o rio nunca se apresentou tão poluído e alerta a população para que não vá a banhos.

Ouvido esta manhã pela Renascença, Fernando Gomes defende ainda que seja travada a construção da barragem de Fridão, para evitar o agravamento da poluição.

“Dado o prolongamento do verão e falta de chuva, o rio ficou com algas, água não está oxigenada e isto é uma situação que preocupa porque está prevista a construção da barragem do Fridão no Tâmega e conforma indicações dos especialistas, com a construção dessa barragem, vamos ter uma albufeira completamente atrofizada como há no Torrão. Assim não pode haver nenhuma exploração do nível turístico nem de lazer, nem lúdico”, alerta o responsável.

A barragem de Fridão é uma das 10 que constam do Plano Nacional de Barragens, com elevado potencial hidroelétrico. Vai afectar os concelhos de Amarante, Cabeceiras de Basto, Celorico de Basto e Mondim de Basto. Está em processo de licenciamento e as obras estão previstas para arrancar no próximo ano.

in Rádio Renascença - 5 de Outubro de 2011

Sem comentários: