sexta-feira, 16 de outubro de 2009

[Rio Tâmega - Amarante] Os Esgotos... Esses Malandros!

Os Esgotos... Esses Malandros!

Os esgotos, esses malandros, não se compadecem com dias reservados a actos eleitorais e muito menos com os dias seguintes a eleições tão importantes como sejam as autárquicas.
Por aqui ganhou o ps, desta vez por uma unha negra, diga-se de passagem! Não interessa, interessa é que permanece inquilino da Câmara faz muito, muito tempo, tempo mais do que suficiente para já ter erradicado por completo estas descargas poluentes que se fazem amiúde no Tâmega!
Mas que raio de ideia me haveria de dar, agora com esta idade... andar à cata de descargas de m**da aqui bem no coração da cidade e publicitá-las, vejam bem!
Desta vez as fotografias não são minhas, que a esta hora, 10:30 desta manhã radiosa, estava já na escolinha a trabalhar no bem duro.
Soube desta malandrice dos esgotos pela hora de almoço. Felizmente houve quem descesse ao rio para apreciar o panorama e pelo menos um com máquina fotográfica. A prova do crime ambiental, um dos muitos que se cometem continuamente aqui no Tâmega, foi-me enviada para a caixa de correio electrónico, sem indicação de autoria e por isso agradeço, apesar de não saber a quem. Continuem a enviar-me as descargas, em cascatas variadas ou submersas, que são feitas no que ainda resta do Tâmega.
Para quem não conhece a zona, apenas esclareço que este tubo de esgoto se encontra submerso a montante da cascata já anteriormente postada neste blogue, que se situa imediatamente a seguir à Ponte Velha, visível numa das fotografias.
As descargas dos esgotos em pleno centro histórico de Amarante estão já próximo de se tornarem um ex-libris cá do burgo, atraindo gente incrédula de todas as partes do mundo. Porque as há para todos os gostos só nos faltando do tipo eruptivo. Mas quem sabe poderemos também arranjar esta em falta... em pleno Largo de S. Gonçalo seria um must!
De notar que este esgoto se encontra muito, mas mesmo muito próximo do edifício municipal.
Sem ironia e porque lhe desconheço a proveniência, pergunto:
Virá de lá?

Anabela Magalhães, in Anabela Magalhães - 13 de Outubro de 2009

Sem comentários: