domingo, 1 de fevereiro de 2009

PNBEPH - Grupo de cidadãos está conta a construção da barragem de Padroselos

Cidadãos contra a construção da Barragem de Padroselos

Um grupo de cidadãos está a organizar-se no sentido de evitar a construção da Barragem de Padroselos em Boticas.

Este é uma das estruturas prevista para a rede hidroeléctrica nacional, que o Governo está a implementar. Mas nem toda a gente concorda com este empreendimento, pelas consequências ambientais que representa.

José Carlos Barros, natural do alto Tâmega e actualmente vereador do ambiente da câmara municipal de Vila Real de Santo António, não quer ver uma barragem no rio Bessa e afirma que o estudo de avaliação ambiental estratégica, obrigatório por lei é “absolutamente desastroso”. No documento pode-se ler que “não foi confirmada a presença de qualquer espécie com estatuto de conservação elevado, embora seja provável a presença da enguia”, quando, segundo José Carlos Bessa, “toda a gente sabe que há muita enguia naquele rio”, o mesmo acontecendo com a truta, que “nem sequer é referida no estudo”.

A criação de uma barragem em Padroselos poderá também trazer consequências ao nível do Turismo rural e de natureza, que poderia trazer “maiores benefícios” à área envolvente ao rio Bessa, com o aproveitamento dos “recursos endógenos, como a paisagem”.

in Vila Real on Line - 19 de Dezembro de 2007

Sem comentários: